Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

My truth

A minha verdade. O que sinto e vejo. O que sou.

My truth

A minha verdade. O que sinto e vejo. O que sou.

23.10.19

2 anos sem ti, Avó


#RapazSecreto

Querida avó,

 

Há precisamente dois anos, chorava a tua morte. A tua perda inesperada, mas anunciada num pressentimento que me atemorizou poucas horas do teu derradeiro suspiro, foi a mais dolorosa experiência que enfrentei na minha vida. Tenho saudades, tantas saudades, do que vivemos e do que ainda tínhamos por viver.

Daria a minha vida, para te ter aqui apenas mais um minuto, para me poder despedir, para ter a certeza que te lembras do meu "gosto muito de ti". Ambos sabemos que este é um desejo irrealizável e ambos sabemos que a morte é a única garantia que nos acompanha, ao longo da nossa caminhada. Mentiria, se dissesse que essa certeza me acalma o coração ou alivia a saudade.

Apesar da saudade, há uma serenidade que me dói. Como posso estar sereno sem ti? Que neto sou eu, se a minha vida segue sem ti? Está sempre presente uma sensação de traição e de falha para contigo, mesmo sabendo que tu somente quererias que seguíssemos em frente. 

Os últimos dois anos não têm sido fáceis. Nada fáceis. E uma parte de mim agradece não teres de presenciar algumas das lutas que temos travado deste lado, porque sei que irias sofrer profundamente. Ainda assim, lamento tanto não ter podido partilhar contigo alguns momentos que sempre desejaste e sonhaste. Torço para que, desse lado, tenhas sorrido.

Continuarei a sorrir ao ver as tuas fotos e vídeos que guardo com carinho, a recordar as brincadeiras, as confissões e partilhas, os receios e mágoas, o toque áspero das mãos que nunca recusaram trabalhar e o amor que emprestavas a todos os que contigo se cruzaram. Deste amor, sem nunca exigir nada em troca. Tocaste mais vidas do que eu alguma vez havia percebido e levaste contigo um bocadinho de todos os que encontravam no teu sorriso o conforto e a segurança que só alguém com um coração sem igual poderia dar.

Que, onde quer que estejas, saibas que agradeço por te ter tido na minha vida. Guardarei um bocadinho de ti, para sempre.

 

Um beijinho do neto que te ama e amará.

Até já, Avó 

 

 

#RapazSecreto

2 comentários

  • Imagem de perfil

    #RapazSecreto

    24.10.19

    Muito obrigado, Luísa! Beijinho
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.