Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

My truth

A minha verdade. O que sinto e vejo. O que sou.

My truth

A minha verdade. O que sinto e vejo. O que sou.

03.01.19

De que vale teres uma agenda, se não tens tempo para o que é importante?


#RapazSecreto

IMG_20190102_152252_801.jpg

 

Esta é a minha agenda, para este ano. Foi-me oferecida no Natal, por uma pessoa amiga. Ontem, preenchia-a com as datas dos exames e entregas de trabalhos, os horários das reuniões com o orientador da minha tese e de um projeto em que estou envolvido, a semana académica, bem como as férias e os dias em que tenho consultas e os treinos e os aniversários dos que amo.

 

Depois, cheguei ao fim e pensei: é só isto que deve estar na minha agenda?

 

Só é importante assegurar que vou ter tempo para as minhas responsabilidades, como a faculdade, a saúde ou a mera recordação de que tenho de ligar àqueles de quem gosto, quando é o seu aniversário? Não, quanto mais não seja, porque eu quero que a minha vida seja mais que isso.

 

Por isso, é agora momento de assegurar que terei tempo - para passear, apanhar ar, ir lanchar fora, sair com alguém, fazer algo de diferente. Quero apenas assegurar-me que, na minha agenda, vai haver tempo destinado a mim - para que eu possa estar, possa ser, possa sentir. Não quero ser apenas um estudante (e, um dia, um trabalhador) ou um bom paciente. Quero ser filho, neto, sobrinho, primo, amigo. Quero ser pessoa. Quero ser eu.

 

Por isso, ontem tirei tempo para ir lanchar com alguém com quem já não estava há mais de um ano. Deixei-me do "temos de marcar" e marquei. Deixei-me de "um dia" e fiz de ontem "o" dia. Valeu a pena, porque fui tão feliz, durante aquela hora e meia que saí de lá com o coração a transbordar.

 

Afinal, de que vale ter uma agenda, se não guardas tempo para o que é importante?

 

#RapazSecreto

27 comentários

Comentar post

Pág. 1/2